INSPIRATION: MY MOST INTIMATE TASTES #1 THE PERFUME


The perfume...


Today I'm starting a new collection of posts talking about my favorite things from my own intimate world. The first thing I can remember is the perfume. I have a great olfactory memory, so my first memories are all about frangances of my early childhood, like the rosemary's fresh smell of my grandmother's soap or the warm perfume of wood from my father's woodwork when he cut the wood still green.   

My fave perfume right now is this fragance by Comme des Garçons, an unusual blend of rose oxides, lilac and hawthorn, which release was accompanied with an unconventional beauty campaign. A very creative perfume with a new intriguing, unique bottle design which matches so well with my office-closet. 

As I can remember I couldn't  left home without putting a few drops of perfume, and I think this is one of the most intimate moments of our own, because it's the thing we wear closest to our skin, becomimg part of us. 

Hoje começo aqui uma nova colecção de posts sobre as minhas coisas favoritas do meu próprio mundo intimo. A primeira coisa de que me consigo lembrar é do perfume. Tenho uma excelente memória olfativa, pelo que as minhas primeiras recordações são os cheiros do inicio da minha infância, como o cheiro fresco do rosmaninho do sabão da minha avó ou o perfume quente da madeira acabada de cortar na carpintaria do meu pai.

O meu perfume favorito neste momento é a fragância de Comme des Garçons, uma mistura pouco usual de óxidos de rosas, lilac e espinheiro-alvar, cujo lançamento foi acompanhado de uma das campanhas de beleza menos convencionais de que tenho memória. Um perfume extremamente criativo com um intrigante e design único que fica a matar no decor do meu escritório-closet.

Que eu me lembre nunca sai de casa sem colocar umas gotas de perfume, e penso que este é um dos nossos gestos mais intimos, a coisa mais próxima que usamos da pele e que se entranha passando a fazer parte de nós.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...